Isotretinoína

Em Acnes Grau III, IV e V e ainda para Acne Grau II de difícil tratamento, existe a indicação da isotretinoína oral, que possibilita a melhora da qualidade de vida, a diminuição do tempo de tratamento (anos em que o paciente trataria) e a prevenção das cicatrizes. A isotretinoína oral é um derivado da vitamina A, age na glândula sebácea, normalizando a formação de sebo. Sua dosagem inicial é de 1-1,5mg/Kg/d e dose total deve atingir 120mg/Kg, comumente entre 5 a 8 meses.

Possíveis efeitos colaterais: 

  • teratogenia (mal formação fetal)acne
  • piora do quadro ao se iniciar o tratamento, que melhora posteriormente
  • secura labial e queilite
  • secura das mucosas nasal, oral e ocular
  • eritema/dermatite em face
  • epistaxe (sangramento nasal)
  • prurido, pelo ressecamente na pele
  • queda de cabelo
  • conjuntivite
  • dores musculares e em articulações
  • obstipação intestinal
  • cefaléia
  • hipertensão benigna intracraniana (em pacientes que fizeram uso de tetraciclina concomitante)
  • depressão e suicídio
  • Durante a administração da Isotretinoína, pode ser observado uma elevação nos níveis de colesterol e triglicérides, que voltam ao normal após o término do tratamento.

A Isotretinoína tem seus efeitos colaterais, porém quando bem indicada será benéfica para o paciente, diminuindo as cicatrizes que poderiam aparecer decorrente do quadro, e melhorando a qualidade de vida desse paciente.